Foto: Yuri Pinto Silva

Domingo, 15 de outubro, o relógio adiantou em 1 hora, conforme o horário de Brasília, pois entrou em vigor o horário de verão, que se estende até o dia 17 de fevereiro de 2018.

 

IMG 8972
O debate das chapas que participavam do processo eleitoral para gestão do DCE aconteceu, em primeiro momento, na tarde do dia 12 de setembro, no Campus de Uvaranas. Foto: Angelo Rocha

Com 2.022 votos “Desatando Nós” assume gestão do Diretório Central dos Estudantes (DCE)

Já pensou em ficar na Universidade até 3h da manhã? Parte dos estudantes da Universidade Estadual de Ponta Grossa (UEPG) esperaram até de madrugada pelo resultado das eleições para nova gestão do Diretório Central dos Estudantes (DCE). Acadêmicos animados, que torciam pelas chapas concorrentes, reforçaram o espírito de movimento estudantil. O clima de união, debate e integração entre acadêmicos ganhou força nos espaços da Universidade. As chapas realizaram diálogos com os Centros Acadêmicos, atléticas, baterias e estudantes em geral.
Foram dias de conversa nos corredores, em filas dos Restaurantes Universitários (RU), nas salas de aula e no pátio. Os estudantes conseguiram debater por alguns dias as questões de segurança, infraestrutura, alimentação, assistência estudantil, acessibilidade, transporte e entre outros pontos que envolvem de forma geral a Universidade. Um debate que deveria ser feito todos os dias, sinalizando a luta de cada acadêmico por um sistema de educação público, gratuito e de qualidade. Temas como LGBT, diversidade, inclusão, indígenas tornaram-se pautas dos debates entre os acadêmicos, refletindo o caráter de militância e luta. 
O perfil dos estudantes envolvidos nas eleições alteraram a visão estereotipada de que aluno só estuda e vive em salas de aulas. O trabalho voluntário das chapas concorrentes, da equipe da Comissão Eleitoral e dos mesários reforça que muitos estudantes estão envolvidos na defesa de causas sociais, estudantis e políticas dentro da UEPG. Um comportamento que reflete o espírito de luta, debate e engajamento entre os acadêmicos. Não basta entender que a UEPG é um espaço democrático apenas em dias de eleições. A nova gestão do DCE tem o dever de ampliar as discussões e de tornar a Universidade um espaço mais plural. É hora de dar cor, ânimo e alegria para UEPG. É hora de ser exemplo e mostrar como se luta!

 

Cachoeira do Rio São Jorge. Foto: Ana Luisa Vaghetti


As cachoeiras além de belezas naturais são opção de lazer para os pontagrossenses

Basta fazer um dia de sol e calor que as pessoas procuram lugares para se refrescar, a opção para muitos são os rios e cachoeiras. Em Ponta Grossa, existem várias opções para esta atividade, entre as mais famosas e procuradas estão o ‘Buraco do Padre’, ‘Cachoeira da Mariquinha’, 'Recanto Botuquara', 'Capão da Onça' e ‘Cachoeira do Rio São Jorge’. Principalmente nos fins de semanas o público procura estes locais de lazer e as cachoeiras ficam lotadas. Pode-se observar que a maioria das pessoas vai até estes locais em grupos, dificilmente encontra-se alguém sozinho. Entretanto, é também um lugar para encontrar e fazer amigos, pois este tipo de programa é popular na cidade.

Angelo Rocha
Foto: Angelo Roc
Expo&flor de Ponta Grossa tem espaço para Orquídeas

Comprar uma flor para enfeitar ambientes é costume frequente em algumas casas. Neste final de semana, muitas pessoas da cidade frequentaram a Expo&Flor no Parque Ambiental de Ponta Grossa. Até dia dez de setembro, é possível encontrar na exposição várias espécies de flores, árvores frutíferas, plantas para jardim, orquídeas, ferramentas, vasos e outros produtos.

Foto: Gustavo Dornelles <"text-align: center;">Transmissões esportivas, drinks e cuidados específicos com a beleza masculina estão entre os diferenciais oferecidos pelas barbearias em Ponta Grossa.

Há muito tempo que se ouve falar em barbearias, não só em Ponta Grossa, mas também em todo Brasil e até no mundo. Até alguns anos, barbearias eram locais onde os homens se reuniam para fazer a barba e falar de assuntos como o futebol, por exemplo.