Foto: divulgação

O financiamento coletivo do livro Saudade está na plataforma Catarse. Com 128 páginas, a história se passa em uma família que encontra um cervo perdido, todo machucado, e o leva para casa. Após algumas semanas com o cervo, conflitos surgem e enfraquecem o elo da família com o animal. Saudade é aquela lembrança de um animal que já se foi. O enredo surge da experiência do casal Phellip Willian (roteiro) e Melissa Garabeli (arte) com a adoção de animais em Ponta Grossa. O designer gráfico será feito pelo Deyvison Manes (letras).

“Ilha das memórias”, “Onírica” e “Acima de nós” são alguns livros já lançados pelos autores. O desenho em aquarela é principal técnica utilizada pelos ilustradores. No Livro Saudade não é diferente, a técnica de pintura aquarela combina com quadrinhos que trazem cenários de floresta. Os traços de Melissa nas imagens já publicadas no Catarse mostram como os pigmentos dissolvidos em água são delicados como a história.

O financiamento coletivo tem como meta arrecadar R$ 20.000, a opção escolhida para a campanha foi “Tudo-ou-nada”, ou seja, o livro tem até o dia dez de outubro de 2017 para arrecadar o total de dinheiro necessário, caso contrário, o dinheiro volta para os apoiadores. Para apoiar o projeto existe valores que vão de R$10 até R$400, as recompensas variam conforme o valor, mas o apoiador consegue o livro impresso na casa por R$35.

O novo livro e campanha Saudade já possui 153 apoiadores (39%) da meta necessária, o valor já superou a antiga experiência do casal com Catarse, da primeira vez, os autores não conseguiram arrecadar o valor. Além do apelo que a campanha propõe, reservando uma porcentagem do dinheiro para cobrir custos de animais que sofrem maus tratos, o livro Saudade está recebendo apoiadores do próprio círculo de quadrinistas do Brasil.

Serviço: Você pode escolher uma recompensa no www.catarse.me/saudade até o dia 10/10/2017.